Fenadepol participa de reunião do Movimento Acorda Sociedade

Nesta quarta-feira, dia 13, representando a Fenadepol, o Presidente Sandro Torres Avelar, e a Vice-presidente de Assuntos Sindicais, Viviane da Rosa, estiveram presentes em reunião do Movimento Acorda Sociedade (MAS), realizado na sede do coconselho da Ordem dos Advogados do Brasil.

Sandro Torres Avelar, presidente da Fenadepol

O movimento é supra institucional e apartidário, e foi criado em janeiro de 2017 na necessidade de alertar, denunciar os retrocessos da PEC 287/2016 e ao mesmo tempo somar esforços no sentido mobilizar a sociedade brasileira para um debate nacional, congregando em torno de 24 entidades da sociedade civil organizada, dentre elas a ANFIP, FENAFISCO,ANPREV,ANAJUR, SINPROFAZ, ANAUNI, AUDTCU e a UPB ( União das Policias do Brasil).

A reunião presidida pelo presidente do MAS, Clodoaldo Neves, contou com a presença do deputado Izalci Lucas (PSDB/DF) e do senador João Alberto Capiberibe (PSB/AP).

O senador relatou sobre um projeto de PEC , que  será por ele apresentado, ampliando a alínea b do inciso I, do §  1º , do artigo 62 da Constituição Federal, para dispor sobre o Direito Previdenciário.

As discussões preponderantemente giraram em torno da necessidade de serem estabelecidas ações que possam mobilizar a sociedade contra os diversos ataques que estão sendo desencadeados contra os servidores

Viviane da Rosa, vice-presidente para Assuntos Sindicais

públicos e os trabalhadores em geral pela Reforma da Previdência.

Estiveram presentes vários representantes da UPB: APCF, FENAPEF, APCN, AMPOL, PRF, CONGM, OPB, bem como o presidente da CONACATE, Antônio Carlos Fernandes Lima Júnior, o ex-presidente da ANFIP, Vilson Romero e a Dra Maria Lúcia Fatoreli, do Movimento Auditoria Cidadã da Dívida.

Em diversos momentos foi salientado o excelente trabalho desenvolvido pela Policia Federal que está sendo uma referência de reserva moral do país.

Durante a reunião foram discutidas várias ações que poderão ser executadas pelas entidades presentes no intuito de mobilizar a sociedade brasileira contra a Reforma da Previdência.